domingo, 6 de fevereiro de 2011

Um sonho .


Eu estava sentada num banco de pedra observando a rua, o metro, os carros que passavam... Escrevia enquanto ansiosamente esperava pela tua chegada. À meses que esperava; que aguardava ser preenchida pela tua presença e mantida em segurança pelo teu caloroso abraço. As linhas iam rapidamente sendo preenchidas por tudo o que sentia; as linhas do meu coração! Desviava o olhar do caderno, que segurava com tanto afinco, para mirar a rua, investigando atentamente tentando notar a tua presença. O meu telemóvel toca; era a tua música. Abri a mensagem:  Amor, estou a chegar <3. O meu coração disparou e todas as minhas linhas de pensamento foram dissipadas. Arrumei o caderno dentro da mala juntamente com a minha caneta cor-de-rosa. Tentava captar com o olhar todos os promenores, perscrutando atentamente a rua em busca do teu rosto! Levanto-me nervosa e atravesso a rua, encosto-me do lado de dentro de uma coluna tentando esconder o meu nervosismo. O meu telemóvel volta a tocar; atendo.

ELE: Amor, onde estás? Já cheguei ao sitio onde me indicas-te-
ELA: Mais perto do que imaginas. - Lentamente saio de trás da coluna e vejo-te junto ao carro olhando para mim e admirando a beleza que à tanto ansiavas por mirar.
Fechas-te o carro e começas-te a andar em minha direcção; paras-te a alguns metros de mim. Não consegui evitar, a adrenalina percorria o meu corpo; comecei a correr na tua direcção e saltei para o teu colo prendendo as minhas pernas em redor da tua cintura. Abraçaste-me tão forte, inpiras-te profundamente para que inalasses o cheiro do meu perfume de forma a nunca mais te esqueceres do meu aroma e colocas-te a mão no meu cabelo prendendo-o atrás da minha orelha. Olhavas-me estonteado; comigo ao colo observavas os meus olhos, estavas tão fixado que parecia que estavas a entrar dentro deles e a memorizar cada traço do meu rosto. O teu instinto foi mais forte, beijaste-me com todo o amor e toda a paixão... Um beijo que durou mais do que meros segundos, um beijo enlouquecedor que nos deixou a ambos sem fôlego. Quando paramos sorrimos um para o outro... O mundo para nós havia parado! Andas-te comigo à volta como se nos tratassemos de duas crianças abrindo um briquedo no natal; a verdade é que somente nós existiamos e o mundo tornara-se nosso...

5 comentários:

  1. Gostei...

    Aproveito para deixar o endereço do meu blog http://viagemsemretorno.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  2. Estava a ler isso..
    e o meu coraçãozinhooo.. a bater bem forte.. :$
    E a minha respiração já acelarada :$

    Lindo.. Amei *.*

    ResponderEliminar
  3. Que bom
    Que bom
    Que BOM

    Depois eu conto-te de onde surgiu ♥♥

    ResponderEliminar

Leave your thoughts;
Someday they'll become more than just a dream ♥